Central de Atendimento: (11) 4066.5312 | (11) 4066.5203 - atendimento@servend.com.br

produtos /

Metodo de inspeção por particulas magnéticas

5.2.2 - Técnica da bobina



Como mostra a figura 17, uma bobina com várias espiras envolve a peça, ou se desloca ao longo dela (para peças com mais de 600mm de comprimento), gerando um campo magnéticoindireto/induzido, Longitudinal (linhas de força paralelas ao eixo da peça) que permite detectar descontinuidades “transversais”, ou “circulares”. Não há contato entre a peça e o seu “magnetizador”, mas nas pontas formam-se polos magnéticos livres.
A bobina poderá ser envolvente, como a figura acima, ou então duas bobinas fixas, em ensaios multidirecionais.



Os equipamentos, em geral, são estacionários, para ensaio de peças seriadas, havendo em alguns casos, aplicações com bobinas portáteis para ensaio de peças de grandes comprimentos e médios diâmetros. A corrente de magnetização que percorre as espiras da bobina ou das bobinas, poderá ser Corrente Alternada(CA) ou Corrente Contínua(CC), dependendo, das características do equipamento e da peça a ser ensaiada.
A intensidade do campo varia conforme o comprimento e a área da secção transversal da peça e está diretamente relacionada com o valor da corrente e o número de espiras da bobina.



Endereço

Rua Prudente de Moraes, 580

Jd. Alvorada - Diadema - SP

CEP 09960-500

Contatos

Tels: (+ 55 11) 4066-5312
(+ 55 11) 4066-5203

atendimento@servend.com.br
© Copyright Serv-end - 2018 Todos os direitos reservados - by Personalize Soft